O papai foi trabalhar

Sim, hoje foi nosso primeiro dia sozinhos, sem o papai em casa. Pelo “sozinhos” entende-se: eu, o filho e o filhote (Dexter, nosso cachorrinho Lhasa Apso de 6 meses, o irmãozinho mais velho do Vítor).

O Fábio estava trabalhando em casa desde que a gente voltou de Londres, mas agora trocou de atividade e vai ficar fora o dia inteiro. Ele começou hoje e o negócio foi “Se vira nos 30”.

O dia pra mim começou às 5 da manhã. O Vítor acordou, parece que estava pressentindo que o papai ia sair. Ele mamou e demorou um pouquinho para dormir de novo, pegou no sono por volta das 6 e meia.

Quando ele dormiu já estava na hora do Fábio sair e o Dexter começou a chorar (outro que estava sentindo que o dia só com a mamãe não seria fácil). Fiquei na sala com ele, fiz carinho, brinquei um pouquinho e às 7 consegui deitar na cama para uma soneca até a próxima mamada.

Foi eu deitar na cama que o Dexter começou a chorar de novo. Fiz de conta que não estava ouvindo. Minha tática não funcionou e tive que levantar de novo. Soltei o malinha (ele dorme na sala) e voltei para o quarto.

Consegui cochilar até às 9, hora que o Vítor acordou de novo. Ele mamou, brincou um pouquinho com a mamãe e dormiu. Consegui arrumar a cama, abrir a casa e ajeitar umas coisinhas. Dei uma atenção para o Dexter e fui para casa da minha vó almoçar (ninguém merece cozinhar para uma pessoa só… além disso, convenhamos que uma comidinha da vovó é ouro!).

Voltei para casa e minha tarde se resumiu a PEITO. Sim, o Vítor estava com dorzinha de barriga e passou praticamente a tarde toda mamando. No fim do dia dei banho nele e minha mãe nos buscou para dar uma volta.

Quando cheguei o Fábio já estava em casa e daí foi só alegria! Bebê com saudade, cachorro com saudade, mamãe com saudade também!

Até que o dia passou rápido e o mais importante é que sobrevivemos! Eu estava sofrendo por antecipação imaginando o momento que teria que ficar sozinha com os “meninos” (claro que o almoço na vó ajudou).

Não foi tão complicado como eu achava que seria, entretanto não conseguir fazer NADA de serviço doméstico (RÁ!, a pessoa além de dar banho, amamentar, trocar fralda, dar amor, carinho, fazer dormir e aconchegar o baby também tem que limpar, lavar, passar e cuidar de todo pacote chamado casa).

No entanto eu estava preparada (RÁ! 2). Ontem deixei o Vítor com a minha mãe e aproveitei para ter um domingão do faxinão. Dei uma geral na casa, assim não fico na neura da limpeza essa semana. E seja o que Deus quiser!

Anúncios

6 ideias sobre “O papai foi trabalhar

  1. Paula

    Aeee, grande Fábio!!!
    manda boa sorte pro papai ai e boa sorte pra ti com os meninos!
    qualquer dia vou ai passar uma tarde pra ti ter mais uma pra dar atenção! haha

    Resposta
  2. Nivea Sorensen

    Oi Ananda,
    Não é fácil ficar sozinha mesmo. Meu marido voltou a trabalhar uma semana após o nascimento do Erik, ou seja, tinha chegado do hospital há poucos dias. Como não temos família morando próximo, nem minha nem dele, ficamos sozinhos mesmo. Foi barra, mas depois me senti super orgulhosa de ter dado conta do recado. Vcs conseguem. E aproveite a ajuda e a companhia da família, sim. Sinto tanta falta disso.
    Um beijo,
    N.

    Resposta
  3. Édina

    hahaha..aiai…qta coisa! mas estou feliz que o Fábio tenha conseguido um emprego aqui! qualquer coisa sabe que pode contar cmg! beijos

    Resposta
  4. Julia

    Menina, é terrível dar conta de tudo sozinha neh ?

    Eu rebolo aqui com a Yasmin, mas a gente dá conta sim, é tudo questão de tempo pra se adaptar!

    Beijinho

    Resposta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s