Das perguntas que só eu tenho

Existem algumas perguntas que nunca vi nenhuma mãe fazer. Não sei se o problema é aqui em casa ou se são coisas pequenas que passam batidas para outras famílias. Alguém me ajuda?

1 – Banho. Vítor adora o banho. Mas na hora de sair é uma guerra. Mas não é do tipo ele chora. Não. Ele se desespera. Grita, berra, me chuta, joga tudo no chão. Colocar a roupa é uma tarefa que exige MUITA paciência e uma boa dose de esforço físico. Agora a pergunta: o que fazer? Vai ser assim para sempre? Juro que achava que ia passar, ele iria acostumar, porém já faz tempo que a situação se repete.

2 – Sono. Vítor dorme muito bem, mas se mexe muito. Deito ele de um lado e quando vou ver ele está no pé do berço, todo virado. Até aqui tudo bem. A questão é: não tem lençol ou coberta que pare em cima do moço. Como vai ser no inverno? Qual a solução? Por mais que eu encha ele de roupa, no friozão não vai ser suficiente (sem falar que é um saco dormir igual boneco de neve). Alguma ideia ou simplesmente amarro ele na cama?

3 – De novo o sono. No vira pra cá e pra lá da noite o Vítor acaba trancando a perna, o pé ou o braço nas grades do berço. Tem vezes que chega a acordar chorando desesperado por não conseguir se virar e assim acaba se machucando. Sei que alguém vai dizer: “Usa protetor de berço”. Mas e aquele papo de que é mais seguro um berço sem nada para o bebê? Até tenho protetor, mas ele é pequeno, mais para cabeceira da cama. Como faz?

Anúncios

18 ideias sobre “Das perguntas que só eu tenho

  1. Nivea Sorensen

    Ananda,
    Olha, trocar de roupa aqui é uma luta sem fim. Eu fico literalmente cansada e de mau-humor, quase choro.
    Já para o seu item 2 eu tenho solução, uma baby sleeping bag. Aqui todo mundo usa, ao invés do cobertor. Parece um camisolão fechado, assim o bebê não se descobre e nem corre o risco de se sufocar.
    x

    Resposta
  2. Renata

    Vou te falar da minha pouca experiencia como mae de um bebezao ativo de nove meses, ta? Heitor se mexe bastante tbm e nunca mais consegui cobri-lo. Acho que só conseguia quando ele era RN mesmo e a gente fazia aquele rolinho, ja que ele nasceu no frio. O que eu faço? Nao me estresse. Eu o agasalho rasoavelmente, sem exageros. E o cubro, mas sei que a coberta sai… Nao tenho resposta pratica, apenas o conforto de te dizer que ele nao adoece. Ele fica com a barriguinha quentinha pelas roupas, entao, vamo que vamo. Quanto o protetor, te falo… Sempre ouvi essa historia de que melhor nao usar nada de nada no berço… Nunca pude ficar sem com Heitor. O menino é um furacao! Eu comprei um bem robusto na internet, depois te ajudo, se quiser… Foi numa lojinha da Elo7… E ele encaixa bem, é bem encorpado… Aqui em casa é necessario, mas eles estranham, viu? Depois que acostumou, nao tiro mais. Espero ter ajudado… Um pouco, pelo menos…

    Resposta
  3. Mamãe do Otávio

    Pois é Ananda, aqui é igual! não tenho o que falar! hsuaihsuia
    to pensando sériamente em comprar um protetor de berço daqueles retos sabe? (que na minha opinião não tem perigo) só pra esses causos de trancar perna e braço, aqui é um desespero meeesmo quando acontece! bjos

    Resposta
  4. Pati

    Oi Ananda, por aqui é tudo igual!!! Mas pelo menos posso te dizer que quanto ao item 1 as coisas melhoraram bastante. Sobre o sono, aqui assim como a Nívea eu uso um sleep bag, sucesso total! O dela é tipo esses aqui: http://www.cheekymonkey.ca/Grobag.htm (exceto pelo preço esses estão muito caros!)

    Sobre o protetor de berço, pessoalmente eu uso! O nosso é fininho (já vi que no Brasil eles são bem gordinhos e ocupam bastante espaço no berço) dá a volta no berço todo e acho difícil dela tentar usá-lo para escalar e pular para o lado de fora. É bem fino mesmo, mas é suficiente para impedir os membros presos nas grades. Para mim o risco de morte súbita é algo mais comum em recém nascidos, então já passamos há tempos dessa fase.

    Sucesso por aí com o Vítor e com o novo baby a caminho! Acho que ainda nem tive tempo de dar os parabéns… Tudo de bom!

    Pati

    Resposta
  5. ana

    Com o meu filho é a mesma coisa para dormir. Eu tb uso sleeping bag! resolve mesmo no friozão, mas um ar condicionado no quarto ajuda bastante! beijo

    Resposta
  6. Débora Beyer

    Filho é tudo igual mesmo, só muda o endereço! hehehe

    Então, por aqui, foi mais ou menos assim:

    1- Demorou, mas passou. Vicente só parou de encrencar com a saída do banho e a hora de vestir bem depois de completar um ano.
    Hoje, ele encrenca pra lavar a cabeça, antes não… Vai saber né?
    Mas te digo, passa, demora, mas passa sim! E, enquanto não passa, paciência, aquela coisa…

    2- Com quase dois anos, ainda não há coberta que pare em cima do Vicente. O jeito foi comprar um aquecedor pro quarto dele e ligar sempre que fica frio. Gasta luz, claro (não chega a ser um horror, ligo só quando tá bem frio), mas ele fica quentinho e aconchegado. É o jeito por enquanto!
    No ano passado chegou a fazer 0° numa noite, aqui em Porto Alegre. Então, tem que ser!

    3- O Vicente nunca foi de se enganchar no berço. Mas, de uns tempos pra cá isso sempre acontecia. Se batia nas grades, trancava o pé, a mão, o cotovelo. Aí acordava, aí reclamava. Solução: tirar o berço.
    Desmontamos o berço e colocamos ele para dormir no chão. Ficou bom demais!!! Estamos acostumados com aquela coisa de “bebê precisa do berço”, mas isso é mais uma das “invenções da infância”. Na verdade, é bem melhor dormir livre, sem se prender numa grade e sem riscos de cair (como numa caminha, por exemplo).
    Sei que quem segue a pedagogia Montessoriana também faz o quarto sem berço. Se surgir o interesse, tem um grupo no facebook que é “Montessori para mamães”, lá tem muitas dicas sobre como tirar o berço do quarto do bebê.

    Beijo!

    Resposta
  7. Marcia Pergameni

    Ai Ananda, o banho aqui é tb um problema. Primeiro não querem entrar. E o Antonio faz esse mesmo escandalo pra sair. Mas sempre ofereço a ele alguma coisa que ele goste e ele aceita rindo. Vmos ver o desenho tal?? Vamos pintar?? O mesmo pra colocar a fralda… E a Cecília é com os cabelos. Vc vai lavar hj o meu cabelo? se a resposta é positiva la vem o choro…

    Resposta
  8. janaina machado

    oi ananda,quanto a nao parar tapado aqui é a mesma coisa com o lorenzo,no inverno passado ele era bem pequeno e mesmo assim já se remexia,eu enrolava ele bem apertado,mas agora eu sei que não vai adiantar,então desde o verão já venho pensando em como fazer.vi sacos de dormir para crianças e acho que vou tentar,por enquanto é a unica idéia que eu tenho.sobre se bater nas grades do berço não tem como não usar o protetor,eu achei um bem fininho de esponja que não tem como ele subir,senão ele passa a noite dando cabeçadas na grade.

    Resposta
  9. Jessica Del Rio

    haha… se so voce fez é porque as outras nao tiveram tempo…
    Edgar tambem briga bastante pra por a roupa… eu vou brincando, fazendo cosquinha e bagunça,mas na hora de passar roupa pela cabeça ja era so me resta abstrair o choro e acabar logo ( e rezar pra nenhum vizinho chamar o conselho tutelar)
    Se descobrir idem, alias tambem consegue arrancar as meias… controlo a temperatura do quarto e tnto acertar uma roupa que compense.
    Protetor eu comprei um que é um tipo de tela respiravel que passa em volta da grade…

    Resposta
  10. Marcelle

    Adoorei a 2,passo por isso todo santo dia,bem dificil e unica solução é acordar sempre q der p/ cobrir novamente!
    A 3 meu se vira pra tirar,pelo menos nunca acordou reclamando disso + sim pela chupeta .. rs
    1 não lembro,+ teve fase que botar roupa e fralda era bem dificil!

    Resposta
  11. thais rosa

    hahahahaha! não é só você que tem não!
    aqui é tudo igual! e, posso falar, caio já tem quase 4 e ainda é assim… não aceita coberta de jeito nenhum (só se tiver muito frio mesmo, e se ele pedir, senão, não adianta nem colocar que ele vai acordar no meio da noite puto) e se mexe MUITO a noite inteira, a ponto de a cada hora estar com a cabeça de um lado da cama… já teve vezes até de dormir com a cabeça na cama de cima e a perna na cama de baixo… (quando mudou pra camona, ao invés de colocar grade puxamos a bicama pro caso dele cair… hehe).
    Mas acho que uma hora passa, espero. Pelo menos com as cobertas já melhorou um pouco…. hehe
    boa sorte, que aí é beeeeem mais frio, né?
    (e obrigada pela msg carinhosa no blog! tb tava com saudades daqui)
    thaís

    Resposta
  12. Patrícia Boudakian

    Menina, aqui acontece exatamente igual. Eu tento colocar roupinhas quentes quando faz frio e desencano. Ela fica super brava quando sente que está coberta.

    Alice tb se engancha nas grades. Daí chora, eu acordo, desenrosco, dou o peito e ela volta a dormir. Algumas vezes até bate a cachola, de tanto que se mexe. Eu prefiro deixar sem o protetor porque acho que junta pó, ácaros… daí prefiro sem. Um bebê acima de 10 meses já não sufoca mais em protetores ou coisas do tipo, acho que está precaução é mais para bebês bem piticos.

    Sobre o banho, acontece igual. Ela detesta sair. Reclama, chuta, chora. faz cara feia… odeia se trocar, dá escândalo… pelo menos é sinal de que gostam de toma banhinho né? rs

    beijos mil (me escreve contando da gravidez e dizendo sobre os planos pro parto? vamos falar?)

    Resposta
  13. Ilana

    Tudo parecido por aqui.
    No banho, eu vou avisando antes que daqui a pouco é hora de sair. Se temos tempo, sempre deixo ele brincar mais um pouquinho. Mas mesmo assim, se ele não está satisfeito com o tanto que brincou, é aquele escândalo.
    Pra dormir, no inverno eu encho de roupa e, antes de colocar ele no quarto, deixo o aquecedor ligado por um tempo, pra esquentar o ambiente. Só qdo está muuuuuuuito frio, deixo ligado a noite toda, mas bem longe do berço.
    E sim, eu até hoje uso os protetores de berço. Acho que eles grandinhos não tem mais perigo de sufocar, e assim ele não se prende na grade nem dá cabeçada a noite inteira.
    Beijos!

    Resposta
  14. Renata

    Mnau nao chora pra sair do banho, mas anda fazendo drama toda hora que eh pra troca-la, um saco. As vezes rio, as vezes perco a paciencia, mas rezo pra isso ser uma fase, pq chego a suar de tanto esforço, rs…agora qto a dormir, eh igualzinho aqui, Manu nao para quieta, ela chega a dormir ate sobre o protetor do berço. Eu cheguei a tirar o protetor uma epoca com esse medo de sufocamente, mas ai ela passou a bater a cabeça na grade e acordar, entao pus de volta. As vezes, com esse mexe, mexe, ela usa o protetor de travesseiro.

    Resposta
  15. Pingback: Utilidade materna | projeto de mãe

  16. Pingback: O “vai passar” | projeto de mãe

  17. Pingback: Terrible one, existe? | projeto de mãe

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s