Pobre menino que dorme em um colchão no chão

Ouvi a frase do título quando contei para algumas pessoas que o Vítor não dormia mais no berço. Nem cheguei a responder e expor a minha opinião para evitar prolongar muito a conversa, mas comecei a refletir sobre a alteração.

O Vítor começou a dormir no colchão no chão esta semana, mas já observei duas diferenças importantes:

– Na primeira vez ele acordou, saiu do colchão sozinho e começou a brincar, sem chamar a mãe ou o pai.
– Na segunda noite acordou no meio da madrugada e chorou. Fui até o quarto dele, deitei no colchão e ele pegou no sono do meu lado. Demorou um pouco, mas antes o único jeito de fazer ele dormir no meio da noite era no carrinho (e eu odeio ficar embalando, especialmente quando estou caindo de sono).

A ideia de tirá-lo do berço parte da vontade de que ele tenha um quarto todo pensado nele. Quero que o Vítor possa explorar o seu espaço livremente, sem barreiras de acesso (o berço é alto, por exemplo, e ele não consegue entrar e sair a hora que bem entender).

Então, a mudança de apartamento e a reorganização do quarto foram fatores que me incentivaram a colocar em prática o que já pensava antes. Não gastei nada para adaptar o quarto, apenas peguei um tapete que minha mãe tinha em casa.

Como o quarto era antes, no outro apartamento: sem tapete, com berço, trocador, armário de 6 portas e nada de espaço para o Vítor brincar no chão. Ele geralmente brincava na sala ou no cercadinho.

Como é agora, depois da mudança: o apartamento tem 3 quartos, o que facilitou um pouco. Assim, no quarto extra estão o armário e o trocador. Já no quarto do Vítor estão os brinquedos, todos espalhados pelo tapete, o colhão e o berço (temporariamente, até ele ser desmontado).

Fiquei muito feliz com o resultado, mas quem está curtindo mesmo é o Vítor. Agora, ele passa muito mais tempo no quarto. Além disso, volta e meia estamos todos lá, brincando juntos.

Vejam como ficou (e percebam que é tudo simples, que pouco – ou nenhum – dinheiro é apenas desculpa para não fazer uma mudança assim):






Leia também: Quarto do Vítor – Versão tapete de E.V.A.

Anúncios

14 ideias sobre “Pobre menino que dorme em um colchão no chão

  1. Aline Cortes

    Ficou uma graça! Essa ideia do espelho é bem legal, pro bebê/criança ir se descobrindo sozinho também. Luna saiu do berço com 1 ano e 4 meses, pq minha mãe pegou a pequena com uma perna pra fora (o nosso berço não tinha a opção de abaixar muito o colchão). Ela dormiu num colchão por uma semana mais ou menos, e foi bem tranquilo. Compramos uma mini cama que dura até os 4 ou 5 anos.
    Beijos
    Aline
    http://www.decaronanacegonha.blogspot.com

    Resposta
  2. Marcia Pergameni

    adorei!!! já tinha pensado nessa possibilidade do colchão, acho que fica bem melhor mesmo pra eles. qdo me mudar vou copiar ok?
    bjok

    Resposta
  3. janaina machado

    Eu já estive pensando nisso pq vou arrumar um quarto pro lorenzo e o segundinho,ele ainda dorme no meu quarto no berço do lado da cama mas depois que o outro(a) nascer não vai dar mais.Pensei em colocá-lo num colchão no chão e deixar o berço pro bebe,é muito prático.Ficou ótimo o quarto do vítor! Uma coisa que eu queria te perguntar é se tu ouviu muitas críticas quando resolveu engravidar logo,por que eu tenho escutado absurdos da família e quase todo mundo.Confesso que isso tem me chateado bastante,já nem conto que estou grávida de novo,vê se pode,estou ficando com vergonha de uma gravidez que nós ,(eu e marido),planejamos assim como a primeira.Até no posto onde resolvi fazer o pré natal dessa vez,me perguntaram por que eu não me cuidei,acredita?E quando eu digo que eu quiz perguntam pq eu não esperei mais.Triste:(

    Resposta
    1. Marina

      Janaina, minha querida – curta a sua gravidez sim! Não deixe que a indelicadeza e intromissão das pessoas a deixem chateada! Onde já se viu? Pelo amor de deus!

      Se eu fosse você toda vez que alguém fosse chato eu diria “nossa, quantas opiniões!” sorrisinho falso e fim!

      Beijo

      Resposta
    2. nandaetges Autor do post

      Olha, Jana, eu ouvi sim, mas mais no início, depois foi diminuindo. Muitas vezes eram piadinhas do tipo: “Não tem TV em casa?”. Dependendo o tom do comentário eu ficava chateada sim. Dá vontade de dizer: “Vem cá, é tu que paga as minhas contas?”. Nessas horas tem que respirar fundo, fazer cara de paisagem e ignorar. Só uma coisa: não deixa de curtir um segundo da tua gravidez por causa dos outros! Passa muito rápido e depois a gente sente saudade!

      Beijos!

      Resposta
  4. Jorgea

    Amanda, estou planejando o quartinho do meu Gabi na casa nova e quero muito um quarto com colchão no chão. Adoro esse tipo de quarto mais pensado para eles. bjs

    Resposta
  5. Ariadne Castro

    Ananda eu simplesmente adorei o quartinho do Vitor.
    Estou para mudar para um apartamento maior também e vou copiar algumas das suas idéias para colocar no quarto de Maria Laura. Ela também brinca mais na sala por falta de espaço no quarto.
    Ficou uma graça.
    BJS

    Resposta
  6. Leticia

    adorei a ideia.. mto pratico .. a minha pequena Gabi dorme na cama de solteiro,, e o Gi no berço… mas adorei a ideia de tudo mais pratico no quarto… a sua ideia foi otima .. o Vitor tem mto mais autonomia, isso é otimo.. bj

    Resposta
  7. Paula

    Que lindo, amiga!!! Adorei tudo! Principalmente a barraca! uheuhehuehhe, me sinto com menor peso na consciência de ter dado um trambolho tão gigante, hehehehe. Notei que o quadro do Vítor foi pra parede! Também adorei o tapete. Vontade de me jogar!

    Resposta
  8. Pingback: Quarto do Vítor – Versão tapete de E.V.A. | projeto de mãe

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s