Arquivo da tag: 9 meses

Fatos e fotos dos últimos 9 meses

JULHO

* Mudança para casa nova em Londres
* Visita da Bruna

Com a Paula e a Bruna em um pub de Camden Town

AGOSTO

* Passeio em Oxford com a amiga brasileira Solange e família
* O tal do POSITIVO
* Viagem para Paris
* Visita do Marcus
* Fim de semana em Liverpool e Manchester

Com o Fábio, em Paris

SETEMBRO

* 1º ultrassom
* Temporada de enjoos/vômitos/tonturas
* Viagem para Lisboa

Primeira "foto" do pitoco

No Oceanário, em Lisboa

OUTUBRO

* Viagem para Madrid, Roma e Amsterdã
* Prova de proficiência, IELTS
* Retorno para o Brasil
* Busca por apartamento

Com a Aline, em Madrid

NOVEMBRO

* Viagem para SP e Santos com a família do Fábio
* Primeiros chutes na pança da mamãe
* Mudança para o AP novo no RS
* É um MENINO

DEZEMBRO

* Natal barriguda
* Ano Novo na praia com a família

Com a minha irmã, indo para a praia

JANEIRO

* Chegada do Dexter
* O bebê vira VÍTOR
* Semana em Garopaba/SC
* Curso de gestante promovido pela Unimed
* Início do “projeto de mãe”

Dexter nos primeiros dias em casa

FEVEREIRO

* Visita dos pais do Fábio
* Carrinho e bebê conforto em casa
* Berço montado
* Visita da irmã do Fábio

MARÇO

* Montagem da mala da maternidade
* Chá de bebê
* Finalização do quartinho

Eu e minha irmã no chá do Vítor

Anúncios

Resumo da 33ª semana

A 33ª que foi a 35ª.

Calma, eu explico!

Acontece que eu fui equivocada nas minhas contas. Tá, todo mundo já sabe que contar dias, semanas, meses, trimestres de gravidez é uma confusão (a Carol do Carol e suas baby-bobeiras comentou também sobre o assunto). Então eu me perdi nessa história toda e acabei descobrindo que hoje fecho 35 semanas e entro na 36ª. Exatamente! A tão esperada 36ª semana de gestação estava batendo na minha porta e eu nem tinha me dado conta.

Mas vem comigo que eu mostro como eu fiz tamanha confusão.

Segundo o sr. Wikipédia:

“A idade embriológica da gestação é contada a partir da fecundação do óvulo. No entanto, é praticamente impossível a identificação do momento em que ocorreu a fecundação ou a data correta do coito ou da ovulação. Por isso, convencionou-se contar a idade da gravidez a partir de um marco mais fácil de identificar: o primeiro dia do último período menstrual da mulher. Trata-se da idade obstétrica da gravidez.”

Ainda segundo informações do excelentíssimo Wikipédia uma gravidez dura, em média:

– 280 dias
– 40 semanas
– 9 meses

Tá, ok, até aqui tudo bem.

PORÉM…

Eu, mãezinha de primeira viagem não sabia (ou ignorei, não prestei atenção, qualquer babaquice dessas) do detalhe da menstruação. Na minha cabeça não se levava em consideração o primeiro dia da última menstruação, mas sim o último dia. Burrinha, né?!

Além disso, no meu mundinho em uma órbita paralela resolvi fazer uma conta independente. A louca! Peguei a data aproximada da concepção e comecei a calcular a partir deste dia as semanas.

Aí deu a maior porcaria, pois eu calculava de um jeito (pela data da concepção), a médica levava em consideração o último dia da menstruação (pois foi o que eu falei pra ela como sendo o primeiro) e agora eu vi tudo por um 3º lado (idade obstétrica da gravidez considerada pelos médicos).

Então… de acordo com o padrão considerado pela medicina:

– Meu primeiro dia da última menstruação é 2 de julho de 2010
– Minha gravidez é de 253 dias, 36 semanas, 9 meses
– A data prevista para o parto é dia 8 de abril de 2011

Enfim, tudo isso é pra dizer que falta pouco, muito pouco 🙂