Arquivo da tag: Folha do Mate

Na capa

O risco de ter mãe jornalista é acabar na capa do jornal. Vítor muso modelo na Folha do Mate de hoje em matéria sobre acessibilidade. Eu que fiz tá?! (O Vítor e a reportagem).

***

E hoje eu estou lá no MMqD falando um pouquinho de um dos dilemas supra sumo da vida de mãe: maternidade X carreira. Passa lá pra conferir!

Anúncios

Inclusão escolar: as dificuldades do processo

Dia 21 de setembro é o Dia Nacional da Luta das Pessoas com Deficiência. Para não deixar a data passar em branco fiz uma matéria para o jornal onde eu trabalho. O assunto é a inclusão escolar. No texto abordo a dificuldade dos pais de crianças e jovens portadores de deficiência em achar um local adequado para os filhos poderem garantir o que é deles por direito: o acesso à educação.

Quem quiser ler o texto é só clicar aqui ó!

E a Mari Hart Dore também escreveu sobre o assunto. Vale a pena ler e conhecer a história dessa mãezona da Stella, do Leo e do Pedro! É lá no Diário de uma mãe polvo.

Sobre o dia das mães e outras coisas mais

Delícia meu primeiro dia das mães. Passei o tempo todo grudada no pequeno. Almoçamos com minha mãe e minha avó materna. De tarde fomos na casa da minha avó paterna.

***

Eu poderia escrever vários clichês pela data. Entre eles que ser mãe mudou a minha vida, que meu filho é a coisa mais preciosa do mundo, o quanto sou apaixonada por ele. Sim, é tudo verdade. No entanto vou me limitar a usar outra frase pronta: uma imagem vale mais do que mil palavras. Pra mim essa foto diz tudo hoje.


***

Ainda sobre o dia das mães…

Eu e o Vítor participamos de uma reportagem do jornal da nossa cidade, a Folha do Mate. A matéria abordava os blogs sobre maternidade, as mamães blogueiras. Amanhã coloco aqui para vocês lerem.

***

Por falar em mamães blogueiras… parabéns para nós! Espero que todas tenham curtido o dia com seus maiores presentes: seus filhotes! (Clichês mode ON hoje!).

***

O frio já chegou no Rio Grande do Sul e o resultado foi que o Vítor ficou gripadinho. Nariz escorrendo, respiração pesada e um pouco de tosse. Liguei para o pediatra e ele receitou dois remedinhos. Comecei a dar ontem e o baby já está bem melhor. Acredito que em dois ou três dias ele esteja 100%.

***

Se tem algo que me deixa furiosa é as pessoas falarem que o Vítor dorme demais, mama pouco, que eu deveria acordá-lo para mamar e diversas outras coisas do gênero. Não tem necessidade, ok?! Segundo o pediatra ele está crescendo e se desenvolvimento bem. Além disso, do meu filho cuido eu. #prontofalei

***

Ah, quase esqueci! Hoje o Vítor completou 4 semanas de vida! Parabéns para o meu bebê! 🙂